BARRADO PARA TAPETES DE CROCHÊ


Quando eu comecei a tecer estes leques não tinha ideia de como iriam ficar. Queria combinar os tons de azul e sabia que um deles teria que ter 2 metros de comprimento.

Gosto muito deste tipo de aventura na criação. Eu teço e fico olhando para a peça, buscando novas ideias na minha mente. É muito divertido.
O resultado foi este. Um leque medindo 2,00 x 1,00 metro e o outro medindo 1,00 x 0,50 metros.

O que me deu mais trabalho foi decidir o modelo do barrado.
Depois que comecei a tecer e fui vendo o resultado, gostei muito. Por isso, para não esquecer, resolvi fotografar e registrar o passo a passo aqui no blog. Assim eu não esqueço e compartilho minha aventura com vocês.


As fotos do passo a passo deixam a desejar, porque quando foram feitas eu ainda não pensava em compartilhar. Mesmo assim, acredito que seja possível entender todo o procedimento.



Para tecer o leque, fiz carreiras de pontos altos intercaladas com carreiras de blocos de 3 pontos altos e 1 ou 2 correntinhas.
Os aumentos foram feitos nas carreiras de pontos altos tecidas sobre as carreiras de blocos. Em cada espaço de correntinha aumentava 1 ponto, sempre tomando cuidado para a peça não embabadar.
Se percebia que ia ficar embabadada, não aumentava.
Em cada troca de cores teci uma carreira de pontos baixos.
Depois de formar o leque teci 1 carreira de pontos baixos na volta toda da peça.
1 ponto baixo sobre cada ponto alto da carreira anterior.
Na parte reta do leque, teci 2 pontos baixos dentro de cada ponto alto de borda das carreiras.
Nos dois cantos teci 1 ponto baixo, 1 correntinha, 1 ponto baixo.

1ª carreira: Começando pelo canto, 2 correntinhas, 9 pontos baixos, 8 correntinhas, pular 5 pontos
*10 pontos baixos, 8 correntinhas, pular 5 pontos* - Repetir **


Nos dois cantos, pule apenas 3 pontos.
Caso a quantidade de pontos não seja exata para a sequência, pule menos pontos em alguns espaços.
Arremate a carreira com 1 ponto baixíssimo nas 2 correntinhas iniciais.

2ª carreira: 1 ponto baixíssimo, *6 pontos baixos, 10 pontos altos dentro das 8 correntinhas, pule 2 pontos baixos*. Repetir **



3ª carreira: *2 pontos baixos, 1 correntinha, 1 ponto alto em relevo para trás, 1 correntinha (+9 vezes)*. Repetir **
Arremate com 1 ponto baixíssimo



4ª carreira: Teça 2 pontos baixíssimos. *Dentro do espaço de 1 correntinha teça 1 picô (3 correntinhas, 1 ponto baixíssimo na 1ª correntinha), 1 ponto baixo dentro do próximo espaço de 1 correntinha (8 vezes), 1 correntinha*. Repetir **





Agora a gente não esquece mais como fazer.

Comentários